Padrinho é acusado de beijar a boca de afilhada de 12 anos

Criança contou o ocorrido para a madrinha, que relatou à mãe da afilhada e esta denunciou à polícia

Imagem ilustrativa

A mãe de uma menina de 12 anos procurou a polícia nessa segunda-feira (11) para denunciar o padrinho da filha de ter abusado sexualmente da criança ao tê-la beijado na boca.

A criança estava na casa da madrinha, no Bairro Vila Nova Aliança, em Gaúcha do Norte (600 km de Cuiabá), quando a mãe recebeu uma mensagem da filha, via WhatsApp, pedindo que a buscasse.

Quando a mãe chegou, a madrinha da criança disse que o marido dela havia abraçado a afilhada com força e a beijado na boca – e que a própria criança havia lhe contado isso.

Assim que informada, a mãe procurou a polícia e registrou um boletim de ocorrência para que o caso seja investigado. A princípio, a menina não foi ouvida pela polícia, para que isso seja feito por uma equipe multidisciplinar.

Os policiais realizaram rondas em busca do suspeito, mas ele não foi localizado.

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorCuiabá está preparada para “segunda onda” e não vai mais parar economia, diz prefeito
Próximo artigoVenda de veículos novos caiu 16% em Mato Grosso