Padrasto é preso por estuprar e maltratar enteados com a conivência da mãe

Interrogado, ele confessou o crime

Imagem ilustrativa

Um homem foi preso em Juara (710 km de Cuiabá), na última sexta-feira (13), acusado de maltratar e estuprar os enteados, um menino e uma menina de sete e oito anos, e uma terceira criança da família.

A Polícia Judiciária Civil chegou ao suspeito após uma denúncia anônima recebida na quinta-feira (12), que dizia que duas crianças sofriam maus-tratos e abusos sexuais em casa, praticados pelo padrasto, e que a mãe sabia, mas não reagiria.

Diante da denúncia, o delegado Carlos Henrique Engelmann iniciou uma investigação com a família e uma terceira vítima foi identificada: outra criança, filha de parentes das duas primeiras vítimas.

Conforme informações da PJC, no tablet de uma das crianças foram encontradas mensagens em que o suspeito pedia fotos pornográficas para a vítima.

Com as provas em mãos, o delegado pediu a prisão do suspeito, que foi decretada pela Justiça e o mandado foi cumprido um dia após a denúncia, na sexta-feira (13), na casa em que o acusado morava com os enteados.

Confissão

Durante interrogatório, ele confessou os estupros e os maus-tratos. Depois, ele foi encaminhado para a Cadeia Pública de Juara.

O depoimento das crianças estava previsto para essa segunda-feira (16).

O acusado deverá responder pelos crimes de estupro de vulnerável e aliciar, assediar, instigar ou constranger, criança por qualquer meio de comunicação. (Com Assessoria)

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

1 COMENTÁRIO

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorVermelho Sol: filme em cartaz no Cine Teatro retrata ditadura militar na Argentina
Próximo artigoTodos contra Fávaro?