Padrasto é detido após enteado de três anos ser encontrado sozinho em casa

Criança estava em meio a roupas sujas e disse que sua mãe havia ido para uma festa

Um homem de 22 anos foi detido no fim da noite dessa quarta-feira (17) após a Polícia Militar encontrar o enteado dele, de apenas três anos, sozinho em casa em meio a roupas sujas.

O caso aconteceu no Bairro Residencial Jancarandá, em Várzea Grande (região metropolitana de Cuiabá), por volta das 23h45.

A Polícia Militar foi acionada via Ciosp com a denúncia de que uma criança estava abandonada em um imóvel. Uma equipe militar foi até o endereço indicado na denúncia e encontrou uma casa sem muros, aparentemente desocupada, com janelas abertas.

Ao verificar o terreno, porém, os policiais notaram que a porta da cozinha estava aberta e que havia uma criança no local, que disse seu nome e idade: apenas três anos.

Segundo os policiais que atenderam a ocorrência, o menino estava em meio a roupas sujas, que estavam espalhadas pelo chão, torneiras pingando e sinais de abandono.

Questionada, a criança disse estar com fome e que a mãe havia ido a uma festa. Os policiais, então, conversaram com vizinhos, que deram comida e água a ele.

Pouco depois, um homem chegou ao local e disse ser padrasto do menino.

O Conselho Tutelar foi acionado e a criança ficou sob os cuidados de um conselheiro. O padrasto, por sua vez, foi encaminhado para a delegacia, onde o caso foi registrado como abandono de incapaz.

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anterior“Não temos nenhum ministro preso, nenhum caso de corrupção”, diz ministro da Educação
Próximo artigoMais de duas mil pessoas são presas em operação contra roubos no país