Pacientes oncológicas do Santo Antônio fazem festa junina

O Amigas do Peito funciona durante o ano todo, mas o seu ápice é no mês de outubro, quando é realizado, em todo o Brasil

O Hospital Santo Antônio desenvolve, há oito anos, um projeto chamado Amigas do Peito, que é um instrumento de integração entre pacientes com câncer de mama, equipe e voluntários com reuniões periódicas, acompanhamento social e psicológica constante.

Na tarde de ontem, quinta-feira, 28, o projeto realizou uma reunião bastante diferenciada e discontraída. Uma grande festa junina com comida, bebida, dança e muita elevação da autoestima das pacientes fechou o ciclo do mês de junho.

O Amigas do Peito funciona durante o ano todo, mas o seu ápice é no mês de outubro, quando é realizado, em todo o Brasil, a conscientização das mulheres a respeito da prevenção e do diagnóstico precoce do câncer de mama. Nesse mês o projeto próteses mamárias e sutiãs com suporte para pacientes mastectomizadas, ou seja, que tiveram a mama retirada em decorrência do câncer.

De acordo com o Instituto Nacional de Câncer José Alencar Gomes da Silva, Mato Grosso já registrou, em 2018, 680 novos casos de câncer de mama, sendo 220 na capital e em Sinop, de janeiro até agora, já somam 60 novos casos de câncer de mama.

A ala de oncologia do Hospital Santo Antônio funciona desde 2007 e atende cerca de 32 municípios de uma macro região [do Norte do Mato Grosso até o Sul do Pará] que agrega uma população de cerca de 750 mil habitantes.

Em 2017, registrou 5,7 mil atendimentos ambulatoriais, 2,327 mil sessões de quimioterapia e outras 412 cirurgias.

 

Com Assessoria

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorPrefeitura não libera licença e feira no Jardim das Américas é cancelada
Próximo artigoUnidade Metropolitana do Indea irá atender produtores de Cuiabá e Várzea Grande