Operação Smash: Polícia Civil cumpre 70 mandados de prisões em MT

Alvos são criminosos já sentenciados, mas que estão foragidos da Justiça

(Foto: PJC-MT)

A Polícia Civil de Mato Grosso, por meio da Gerência Estadual de Polinter e Capturas (Gepol), realizou nesta semana a terceira fase da Operação Smash (do inglês esmagar), destinada ao cumprimento de mandados de prisões de condenados pela Justiça.

Das 70 ordens judiciais, 30 foram cumpridas no Sul do Estado, em Rondonópolis (220 km de Cuiabá) e outras cinco cidades da região.

Segundo a delegada titular da Polinter, Sílvia Maria Pauluzi, a próxima empreitada deve ser na região metropolitana, “onde outros mandados de prisão deverão ser cumpridos ao longo da semana”.

Na região Sul do Estado foram cumpridas ordens judiciais em Rondonópolis, Itiquira, Pedra Preta, Guiratinga, Jaciara e Dom Aquino, inclusive em localidades da zona rural.

O foco da operação é retirar de circulação criminosos sentenciados e que estão com prisões decretadas por diversos crimes, entre eles: roubo qualificado, tráfico de drogas, associação e organização criminosa, latrocínio, homicídio, estupro, receptação, estelionato, entre outros.

A Polinter também estendeu a Operação Smash a outros Estados. A atuação resultou em prisões em Goiás, Santa Catarina, São Paulo, Paraná e Mato Grosso do Sul.

A operação Smash é realizada em parceria com a Diretoria de Interior, Diretoria de Atividades Especiais e Diretoria de Inteligência da Polícia Civil, com a colaboração dos Núcleos de Inteligências das Delegacias do Interior.

(Com Assessoria)

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorMais calor, menos trabalho na AL
Próximo artigoReforma tributária vai ficar para 2021, diz presidente de comissão