Operação Medusa: PF ataca tráfico internacional de drogas em MT

Organização criminosa com braço em Mato Grosso abastecia Brasília e Estados do Nordeste com droga vinda do Peru e da Bolívia

Agência Brasil

A Polícia Federal (PF) cumpre, nesta terça-feira (10), mandados de prisão e busca e apreensão em uma ação contra o tráfico internacional de drogas: a Operação Medusa. Além de Mato Grosso, os alvos estão em Goiás, Paraíba, Piauí e Brasília.

Ao todo, o objetivo é cumprir 20 mandados de prisão e 33 mandados de busca, além do sequestro de dois imóveis e 25 veículos. Cerca de 150 policiais federais participam da
empreitada.

A investigação teve início em 2020, com o objetivo de desarticular organização criminosa voltada ao tráfico internacional de drogas vindas da Bolívia e Peru.

Em Mato Grosso, são cumpridos dois  mandados de prisão e três de busca e apreensão em Pontes e Lacerda. Durante a prisão de um dos alvos, os policiais encontraram uma arma sem registro e 30 munições. O segundo alvo está foragido.

Investigações

De acordo com a PF, apurou-se que a organização era responsável pelo fornecimento
mensal de, aproximadamente, 500 kg de cocaína, abastecendo o Distrito Federal e Estados da região Nordeste.

O alvo principal é, atualmente, um dos maiores traficantes de cocaína do Distrito Federal.

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorImpostômetro: R$ 22 bi em MT
Próximo artigoAtrasos na saúde