Operação especialista: José Riva Júnior é acusado de usar diploma falso

Médico foi alvo de operação deflagrada pela Polícia Civil nesta quinta-feira

Polícia Civil deflagrou operação para colher provas da acusação (Foto: Ednilson Aguiar/O Livre)

Filho do ex-presidente da Assembleia Legislativa de Mato Grosso, José Riva, o médico José Geraldo Riva Júnior é acusado de usar um diploma falso para conseguir ser contratado pelo Departamento Estadual de Trânsito (Detran).

Uma operação da Polícia Civil deflagrada na manhã desta quinta-feira (5) cumpriu mandados de busca e apreensão para coleta de documentos em Cuiabá e Várzea Grande.

De acordo com a investigação, José Riva Júnior apresentou um título de Especialista em Medicina de Tráfego. Com o documento, conseguiu credenciar junto ao Detran a empresa Perimetran Perícias Médicas de Trânsito, da qual é sócio.

Desde então, José Riva Júnior estaria realizando exames de aptidão física e mental de futuros motoristas.

O curso de especialização teria sido feito na Pontifícia Universidade Católica (PUC) de Goiás. Em ofício encaminhado a Polícia Civil de Mato Grosso, a instituição afirmou, entretanto, que o médico não concluiu uma das disciplinas e que, por conta disso, o título jamais teria sido emitido.

Outro lado

A reportagem do LIVRE tentou, mas não conseguiu contato com nenhum membro da família Riva. O espaço continua aberto para manifestação.

(Com assessoria)