Novo atrito

Disputa entre Mauro Mendes e Emanuel Pinheiro agora está em torno da volta da torcida para os estádios

(Foto:Ednilson Aguiar/ O Livre

A liberação parcial de torcidas nos estádios de futebol em Mato Grosso, especificamente a Arena Pantanal, tende a se tornar novo combustível para a querela entre o governador Mauro Mendes (DEM) e o prefeito de Cuiabá, Emanuel Pinheiro (MBD). 

Pinheiro diz ser o município a autoridade sanitária máxima sobre assuntos dentro de suas divisas e indicou que vai protestar contra a normativa. Ele disse estranhar a aprovação do projeto e já pediu para a Procuradoria Geral do Município analisar o texto, antes mesmo da homologação. 

Mauro Mendes usou o mesmo tom inflexível: “se o projeto chegar à minha mesa, eu aprovo hoje”, disse. A liberação parcial, limitada a 35% do público no projeto de lei aprovado na Assembleia Legislativa, foi uma ideia do governador.

LEIA TAMBÉM

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorJovem morre atropelado por trator enquanto trabalhava em fazenda
Próximo artigoEleições suplementares