Nova eleição em MT

Município do interior de MT será o primeiro a ter nova eleição, após prefeita eleita ter registro de candidatura negado

O ministro Ricardo Lewandowski durante sessão na Segunda Turma do Supremo Tribunal Federal (STF), para o julgamento de mais um pedido de liberdade para o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva.

Com 4.071 habitantes, o pequeno município de Torixoréu (380 km de Cuiabá), caminha para ser o primeiro – depois da eleição do ano passado – a ter uma eleição suplementar para prefeito. A data ainda será marcada pela Justiça Eleitoral.

Ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Ricardo Lewandowski negou pedido da prefeita eleita, Inês Mesquita Coelho (DEM), para tomar posse no cargo.

Diante disso, segue inalterada a decisão do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) que determinou nova eleição a prefeito e vice-prefeito.

A democrata Inês Coelho saiu vitoriosa no pleito com 1.392 votos, mas concorreu sub-júdice. Em novembro, o Tribunal Regional Eleitoral (TRE) de Mato Grosso havia negado o registro de candidatura dela.

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorProfessores dão dicas para lidar com a ansiedade às vésperas do Enem
Próximo artigoEx-prefeito de Torixoréu morre com covid-19 após ser internado em Brasília