“No Brasil, será a mesma coisa”, diz Bolsonaro sobre manifestações nos EUA

Para o presidente, apenas o voto impresso pode garantir que o brasileiro volte a ter confiança no sistema eleitoral

(Foto: Ednilson Aguiar/O Livre)

No já tradicional encontro diário com seus apoiadores, na manhã desta quinta-feira (7), o presidente Jair Bolsonaro voltou a comentar sobre a suspeita de fraude nas eleições americanas. Para ele, caso o Brasil não tenha voto impresso até 2022, corre-se o risco de haver o mesmo tipo de protestos.

Ao comentar sua preferência pelo voto impresso, Bolsonaro voltou a afirmar que só ele é  totalmente verificável, em caso de suspeita de fraude.

“O pessoal tem que analisar o que aconteceu nas eleições americanas agora. Basicamente qual foi o problema, a causa dessa crise toda? Falta de confiança no voto. Então lá, o pessoal votou – e potencializaram um voto pelos correios, por causa da pandemia – e houve gente que votou três, quatro vezes. Mortos votaram, foi uma festa”, afirmou o presidente, citando as suspeitas que não restaram comprovadas até o momento.

Essa falta de confiança, citada por Bolsonaro, foi o motivo alegado pelos manifestantes que invadiram o Congresso americano. Eles exigir uma recontagem dos votos.

LEIA TAMBÉM

E aqui no Brasil, se tivermos o voto eletrônico em 2022, vai ser a mesma coisa. A fraude existe. A imprensa vai dizer: ‘sem provas, ele diz que a fraude existe’. Eu não vou responder esses canalhas da imprensa mais. Eu só fui eleito porque tive muito voto em 2018″, concluiu.

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorGoverno de MT demite PM acusado de feminicídio e ocultação de cadáver
Próximo artigoSaúde anuncia compra de 100 milhões de doses da Coronavac