Não espere ficar grave

Recém-saído de quarentena, governador Mauro Mende afirma que covid-19 pode ser curada, se o tratamento começar cedo

(Foto: Ednilson Aguiar/O Livre)

Governador de Mato Grosso, Mauro Mendes (DEM) orientou que pessoas com sintomas da síndrome respiratória aguda grave (SRGA) procurem atendimento médico “assim que sentir os sintomas iniciais”. Eles indicam também um possível contágio pelo novo coronavírus. 

Segundo Mendes, a taxa de ocupação dos leitos exclusivos para a pandemia cresceu nas últimas semanas devido ao número elevado de pacientes que já chegam em estado grave. 

Os sintomas iniciais da covid-19 geralmente são febre, tosse seca e dificuldade de respirar. 

“Acho um equívoco isso: esperar ter sintomas graves para ir a uma unidade. Meu médico me receitou um medicamento, eu tomei e, graças a Deus, passei bem”, afirmou ele em entrevista à rádio Capital FM, nesta segunda-feira (22). 

O governador encerrou o período de quarentena na semana passada. Ele recebeu o diagnóstico duas semanas antes e teve o modo leve, sem sintomas, da doença. 

A declaração de Mauro Mendes é marca de uma mudança oficial no protocolo de atendimento à doentes da pandemia. A orientação da Secretaria de Estado de Saúde (SES) era que as unidades de saúde fossem procuradas somente 10 dias após o início dos sintomas. 

Agora, o governador afirma que, se houver um tratamento adequado nos sintomas iniciais, há menos chance de a doença se agravar.

Esse primeiro contato deve ser feito junto aos postos de saúde e policlínicas, na atenção básica, que é de responsabilidade das prefeituras. 

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anterior37 anos de fundação: Grupo São Benedito lança três empreendimentos em Cuiabá
Próximo artigoAfinal, o que falta para MT ter uma política de combate às drogas?