Não é até breve, é tchau mesmo

Mauro Savi se despediu da Assembleia Legislativa na sessão desta terça-feira

(Foto:Ednilson Aguiar/ O Livre)

Derrotado nas urnas na disputa pela reeleição nas eleições de outubro de 2018, o deputado estadual Mauro Savi (DEM) se despediu da Assembleia Legislativa na última sessão desta Legislatura, realizada nesta terça-feira (29), afirmando: “com certeza não é até breve, é tchau mesmo”.

A despedida se dá no mesmo dia em que veio a público o pedido do Ministério Público Estadual (MPE) para que o parlamentar, que é réu da Operação Bônus, retorne à prisão. Ele, entre outros, é acusado de corrupção no Departamento Estadual de Trânsito (Detran).

“Saio sentido com questões, mas de cabeça erguida para encará-las. Hoje, um promotor encaminhou meu processo para a imprensa, é triste, mas estamos aí para enfrentar”, disse.

Ele ainda ressaltou que poderia ter parado de disputar eleições para a Assembleia Legislativa há dois anos, mas não parou pois tinha compromissos a cumprir. “Não quero ser lembrado com placa. Tenho certeza que posso ajudar muitas pessoas a realizar seus sonhos. Me sobrou 11.683 eleitores que me acompanharam”.

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorFávaro irá representar MT em Brasília
Próximo artigo7ª Femoda recebe mais de 1,4 mil pessoas e movimenta R$ 25 milhões