Mulher é estuprada por três homens dentro de sua própria casa

Um dos suspeitos era amigo da vítima

(Imagem ilustrativa)

Uma mulher de 33 anos foi vítima de um estupro na madrugada desta quinta-feira (4) dentro de sua própria casa, no centro da cidade de Pedra Preta (240 km de Cuiabá).

A vítima acionou a polícia por volta das 4h30 e esperou uma viatura da PM enrolada em uma toalha na esquina de sua casa. Ao encontrar os policiais, ela disse que havia sido estuprada e que os suspeitos ainda estavam em sua residência.

A equipe foi até a casa, encontrou os três suspeitos, de 22, 25 e 30 anos, e os deteve. A cena na residência, segundo relato dos policiais, aparentava realmente ter acontecido algo, por haver uma cueca em cima da cama e uma camiseta jogada no chão.

Já na delegacia a vítima contou o que havia acontecido. Segundo a mulher, ela estava com uma amiga e os suspeitos em uma casa ingerindo bebidas alcoólicas.

Um dos três homens era amigo dela há tempos e a chamou para ir para a casa dela, onde continuaram a beber. Já por volta das 3h45 todos foram dormir e ela deixou eles dormirem na casa, um em um colchão no chão, um em uma cama ao lado e o amigo na cama com ela.

Estado de choque

Quando a luz foi apagada, porém, o amigo deitou em cima dela, a segurou e começou a estuprá-la junto aos outros dois homens.

Ela entrou em estado de choque e não conseguiu falar nada, ficou apenas ouvindo eles dizerem: “Agora é sua vez”, “você está gostando?” e “fique quietinha”. O abuso sexual durou cerca de 30 minutos.

Depois, ela conseguiu fugir dizendo que iria até o banheiro, chamou a polícia e saiu da casa, quando encontrou os militares na esquina e os levou até a residência.

O caso foi registrado como estupro.

LIVRE produziu um manual para você saber como agir, caso tenha sido vítima ou testemunha de um crime sexual:

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorConsumo interno
Próximo artigoMinistério da Saúde negocia aquisição de 30 milhões de doses das vacinas Sputinik V e Covaxin