Mulher denuncia loja após ser acusada injustamente de furto em Cuiabá

Quando olharam as câmeras se segurança ficou provado que ela não havia furtado nada

Ilustrativa/Reprodução Internet

Uma mulher de 49 anos denunciou uma loja do Bairro CPA III, em Cuiabá, nessa quinta-feira (29), após ser acusada injustamente de furto.

Segundo a vítima, ela esteve na loja para comprar um par de brincos de bijuteria, pagou por ele e saiu.

Já do lado de fora, porém, foi abordada pela vendedora, que pediu que ela retornasse ao estabelecimento, pois tinha visto ela colocar um produto da loja em seu macacão.

A cliente acionou a Polícia Militar imediatamente e um sargento da PM foi até o local.

Porém, quando as imagens das câmeras de segurança foram checadas, ficou provado que o objeto que a vendedora acreditava ter visto a cliente furtar era, na verdade, da própria cliente.

O policial, então, orientou a vítima a registrar um boletim de ocorrência contra a loja e ela assim o fez. O caso foi registrado como calúnia.

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorApós ataques da imprensa, Bolsonaro faz live com leite condensado em cima da mesa
Próximo artigoJustiça mantém prisão de PM acusado de homicídio e de atirar em viatura