MT tem R$ 665 milhões garantidos

Senado aprovou projeto que prevê a partilha do dinheiro do pré-sal

(Foto: Agência Petrobras)

O Senado aprovou na noite desta terça-feira (15), o projeto de lei com as regras de partilha do dinheiro a ser arrecadado com a venda do direito de exploração da camada de petróleo do pré-sal.

O leilão está previsto para ocorrer no dia 6 de novembro e a estimativa é que chegue ao valor de R$ 106 bilhões.

Desse montante, Mato Grosso deve receber aproximadamente R$ 665,1 milhões. Verba que será dividida entre governo do Estado (R$ 468) e prefeituras (R$ 197 milhões).

Durante a votação, senadores do Nordeste chegaram a defender uma outra forma de dividir o dinheiro, mas acabou prevalecendo o modelo que já havia sido aprovado na Câmara Federal.

Agora, o projeto precisa ser sancionado pelo presidente Jair Bolsonaro (PSL). A expectativa é que o dinheiro possa ser distribuído ainda neste ano.

Entenda a partilha:

  • Para a Petrobrás – R$ 33,6 milhões
  • Para o governo federal – R$ 48,8 bilhões
  • Para os Estados – R$ 10,9 bilhões
  • Para os Municípios – R$ 10,9 bilhões
  • Para Estados onde ocorre a extração – R$ 2,1 bilhões

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorSexo e política
Próximo artigoInvestigadores da Polícia Civil são presos acusados de extorquir empresário

O LIVRE ADS