Motorista de aplicativo luta com passageiro após ele se negar a pagar corrida

Motorista ficou com lesões no lado direito da face e no olho esquerdo

Imagem ilustrativa

Um motorista de aplicativo de 44 anos entrou em luta corporal com um passageiro, de 63,  nessa terça-feira (3). O motivo da briga foi o fato de homem se negar a pagar por uma corrida realizada.

Segundo o relato do motorista, ele pegou o passageiro no Bairro CPA IV, em Cuiabá, em frente a uma marcenaria. O levou até o Bairro Jardim Paulista. A corrida custou R$ 12 pelo aplicativo.

Ao contratar o carro, o passageiro informou que pagaria em dinheiro, mas quando chegou ao destino, quis pagar com cartão. O motorista, então, acrescentou uma taxa de R$ 2.

Ao ver o acréscimo, o cliente retirou o cartão da máquina e se recusou a pagar. O motorista explicou o motivo do acréscimo e deu a máquina para o passageiro novamente, que a jogou no chão.

O motorista saiu do veículo e os dois começaram uma luta corporal. Durante a briga, o motorista afirma ter sido atingido pelo passageiro por algum objeto, vindo a ser lesionado no lado direito da face e no olho esquerdo.

Ambos caíram no chão e sofreram escoriações nos joelhos e nas mãos. Por fim, o motorista ainda recebeu uma mensagem que dizia: “Isso não vai ficar assim”. Sentindo-se ameaçado, ele resolveu procurar a polícia e registrar um boletim de ocorrência.

O caso foi registrado como vias de fato, ameaça e dano.

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorCasas suspensas inovam o conceito de construção vertical do Grupo São Benedito, mais harmonia e aconchego
Próximo artigoPosse vs porte: acusados tentam reaver armas e Justiça de MT nega