Meta finlandesa

Pivetta diz que plano de Mato Grosso para zerar emissão de carbono é ambicioso e exige forte execução

(Foto: Ednilson Aguiar/O Livre)

O governador em exercício Otaviano Pivetta disse que a meta estabelecida por Mato Grosso de zerar a emissão de carbono até 2035 é ambiciosa e só seria possível por um país com volume de produção bem abaixo de média mundial, como a Finlândia. 

“Isso só a Finlândia consegue fazer até lá, que é um país que não produz praticamente nada”, disse. 

A Finlândia, no norte da Europa, com frio rigoroso, anunciou em 2019 o plano de zerar a emissão de carbono até 2035, 17 anos antes do prazo mundial anunciado pelas Nações Unidas.  

O plano do governo finlandês para alcançar a meta inclui acabar com o consumo de combustíveis fósseis, aumentar a produção de energia solar e eólica, eletrificar o aquecimento e transporte, e aumentar em 10% o uso de bioenergia, principalmente de resíduos agrícolas e resíduos florestais. 

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorAtaque de cães: 1,3 mil residências em MT são risco para trabalhadores, aponta Energisa
Próximo artigoZoofilia: homem que estava estuprando animais é preso ao ser flagrado atacando bezerro