Mendes quer priorizar profissionais da Educação na fila para vacina

Projeto de Mauro Mendes quer destinar 10% das doses destinada a Mato Grosso para os servidores da Educação

(Foto: Mayke Toscano)

Enquanto as doses de vacina contra covid-19 vão chegando em Mato Grosso, as prioridades na fila para aplicação vão sendo re (definidas). Na semana passada, as forças de Segurança Pública começaram a ser vacinadas. Nesta segunda-feira (12), o governo afirmou que priorizar os profissionais da Educação.

A ideia é destinar o percentual de 10% das doses que chegarem ao Estadoo aos profissionais das redes de ensino estadual e municipal, além da rede particular.

O projeto depende da aprovação dos Ministérios Públicos Federal e Estadual e também do Conselho de Secretarias Municipais de Saúde de Mato Grosso (Cosems/MT).

“Achamos justo e legítimo que todos os profissionais da educação recebam a vacina. Com a imunização, poderemos retomar a prestação do serviço à população mato-grossense de forma híbrida, ou até mesmo presencial, quando as taxas de contágio assim permitirem”, disse Mauro Mendes.

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorMerenda escolar: MPE quer que prefeitura entregue kits para todos os alunos em Cuiabá
Próximo artigoUTIs em municípios menores