Medeiros pede que Câmara e PF investiguem autores de fake news a seu respeito

Ele disse que é alvo fácil de notícias falsas por ser apoiador de Bolsonaro; fake news teriam se intensificado com sua candidatura ao Senado

(Foto: Ednilson Aguiar/ O Livre)

O deputado federal José Medeiros reclamou em suas redes sociais que está sendo vítima de “fake news”. Segundo o parlamentar da bancada do Podemos, ataques se intensificaram com o anúncio de sua pré-candidatura ao Senado.

“Nunca fui filiado a nenhum partido comunista, não deixei de ocupar um só dia a cadeira de senador no meu último mandato, mas eles insistem com inverdades, até porque é a única maneira que sabem fazer política”, declarou.

No dia 28 de fevereiro Medeiros encaminhou ofícios com documentos anexos, ao presidente da Câmara Federal, Rodrigo Maia e outro ao diretor-geral da Polícia Federal, Maurício Leite Valeixo.

Ele requer que sejam investigadas as notícias falsas a seu respeito alegando ser vítima de calúnia, difamação e injúria.

A Maia diz que só por agir na defesa dos interesses do Governo e ao presidente Jair Bolsonaro já é alvo constante de críticas por parte de grupos opositores.

“Tais comportamentos têm se agravado desde que anunciei a minha pré-candidatura às eleições suplementares ao Senado Federal do próximo dia 26 de Abril, em Mato Grosso”. Desde então, enfatizou, têm circulado “inúmeras mensagens nas mídias sociais, em especial no Whatsaap contento “fake news” a meu respeito”.

“Infelizmente, todos nós estamos sujeitos a esse tipo de ataque sorrateiro que visam tão somente denegrir nossa honra e desinformar as pessoas”, finalizou.

Ao diretor da Polícia Federal pediu que seja feita investigação para descobrir quem são os autores das mensagens.

 

Ver essa foto no Instagram

 

Não é só a Folha de S.Paulo que vive da MENTIRA. Desde que assumimos a defesa do Governo de @jairmessiasbolsonaro e sua vice-liderança na Câmara, viramos alvos de ataques sorrateiros, principalmente no WhatsApp. Após anunciarmos nossa PRÉ-CANDIDATURA às eleições do próximo dia 26 de abril, em Mato Grosso, para o Senado, a carga de FakeNews tem sido rotineira… Nunca fui filiado a nenhum partido comunista, não deixei de ocupar um só dia a cadeira de senador no meu último mandato, mas ELES INSISTEM com inverdades, até porque é a única maneira que sabem fazer política. Acionei a Polícia Legislativa e a Polícia Federal no caso e os canalhas terão o que merecem…

Uma publicação compartilhada por José Medeiros (@josemedeirosmt) em

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorHomem morre misteriosamente enquanto caçava em fazenda de MT
Próximo artigoColisões na Coalizão