MEC: Resultado do Enem será divulgado na segunda, após as 18h

Resultados individuais estarão disponíveis na Página do Participante. Notas podem ser usadas para acesso à educação superior

Marcello Casal Jr / Agência Brasil

O Ministério da Educação deve disponibiliza na próxima segunda-feira (29) as notas finais do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2020 para as versões impressa e digital. Os participantes poderão conferir os resultados individuais das provas na Página do Participante ou no aplicativo do exame, após as 18h (horário de Brasília).

Além do resultado da redação, que varia de zero a 1000, os participantes também poderão conferir as notas individuais referentes às provas das quatro áreas de conhecimento: linguagens, códigos e suas tecnologias; ciências humanas e suas tecnologias; ciências da natureza e suas tecnologias; e matemática e suas tecnologias.

As notas podem ser usadas para acesso à educação superior, no Brasil e em instituições de Portugal, e em programas governamentais de financiamento e apoio ao estudante.

Na mesma data também estarão disponíveis as notas dos participantes do Exame Nacional do Ensino Médio para adultos privados de liberdade e jovens sob medida socioeducativa que inclua privação de liberdade (Enem PPL).

O resultado do Enem 2020 impresso, para fins exclusivos de autoavaliação de conhecimentos do participante treineiro, será divulgado no dia 28 de maio de 2021, na Página do Participante e no aplicativo do exame.

Acesso às notas

Para ter acesso às notas, os participantes devem utilizar o login único do Governo Federal.

Caso o aluno tenha esquecido a senha, o sistema permite recuperá-la. Basta inserir o CPF no campo indicado, selecionar avançar e clicar no link “Esqueci minha senha”. O sistema apresentará diversas formas para recuperar a conta.

(Com Agência Brasil)

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorAneel proíbe corte para consumidores de baixa renda; medida também vale para hospitais
Próximo artigoMichelle Bolsonaro entrega alimentos em Aparecida