Mato Grosso inicia vacinação dos trabalhadores da indústria

Além deste grupo, colegiado definiu a vacinação de outros grupos com as 98.070 doses de vacinas enviadas nesta semana pelo Ministério da Saúde

(Foto: Ednilson Aguiar/O Livre )

Após reunião realizada na manhã dessa sexta-feira (2), entre representantes da Secretaria de Estado de Saúde (SES-MT) e da Federação das Indústrias do Estado de Mato Grosso (Fiemt), ficou definido que o Estado deve iniciar a vacinação contra a covid-19 dos trabalhadores da indústria, conforme pactuação da Comissão Intergestores Bipartite de Mato Grosso (CIB-MT).

A definição foi feita com base no Plano Nacional de Imunização (PNI), que prevê a vacinação deste público.

“Os trabalhadores da indústria nunca pararam. Foram e continuam sendo fundamentais para que possamos enfrentar e combater a pandemia e para que a população continue tendo acesso a todos os produtos e serviços necessários ao dia a dia”, afirmou o governador Mauro Mendes.

“É importante que todos os gestores municipais de saúde, prefeitos e secretários estejam atentos à resolução que regulamentará a imunização deste público. A CIB orientará como os municípios poderão identificar as unidades industriais do Estado de Mato Grosso”, acrescentou o secretário estadual de Saúde e presidente da CIB, Gilberto Figueiredo.

Além deste grupo, o colegiado de saúde definiu ainda a vacinação de outros grupos com as 98.070 doses de vacinas enviadas nesta semana pelo Ministério da Saúde, sendo 73.500 da AstraZeneca e 24.570 da Pfizer.

De acordo com a Resolução nº 68, serão vacinados com a primeira dose do imunizante AstraZeneca um quantitativo de trabalhadores da indústria relacionado pela Fiemt em ofício encaminhado à SES.

Para auxiliar os municípios na identificação das empresas do segmento industrial, o Sistema Fiemt, por meio do Serviço Social da Indústria (Sesi-MT), disponibilizará acesso ao banco de dados neste link com a listagem das industrias por Razão Social e CNPJ.

“O Sesi vai apoiar os municípios na identificação das indústrias e também vai apoiar a SES-MT no andamento dessa vacinação. Estamos montando juntos essa estratégia e eu agradeço ao secretário Gilberto Figueiredo por essa articulação em apoio aos 141 municípios do Estado”, pontuou o presidente da Fiemt, Gustavo de Oliveira.

Assim, as indústrias que não estiverem identificadas poderão entrar em contato com o Sesi, por meio do telefone: (65) 3611-1653 ou e-mail [email protected]

Outros grupos

A resolução ainda deliberou que um quantitativo das doses da Pfizer deverá contemplar a aplicação da primeira dose em funcionários do Sistema de Privação de Liberdade e População Privada de Liberdade, além de lactantes de bebês de até 1 ano de idade completos.

O documento pontua que, completado o grupo de lactantes e caso o município ainda disponha de doses destinadas para este público, os imunizantes poderão ser destinados à vacinação das lactantes de crianças de 1 ano e um dia de idade até 2 anos completos.

As doses da AstraZeneca serão destinadas a pessoas com 55 a 59 anos e trabalhadores de Transporte Coletivo Rodoviário de Passageiros Urbano e de Longo Curso.

Para a vacina AstraZeneca, o prazo de aplicação da segunda dose é de até 90 dias. Já o prazo da segunda dose da Pfizer é de até 12 semanas.

Caso os municípios alcancem a completa vacinação dos públicos-alvo estabelecidos para a imunização, a CIB orienta a continuidade da imunização dos demais públicos elencados pelo Ministério da Saúde.

Após a distribuição dos imunizantes aos municípios, as vacinas deverão ser armazenadas conforme as condições estabelecidas pela fabricante e Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) e com o apoio da segurança pública.

A aplicação das doses deve ser obrigatoriamente registrada pelos municípios no Sistema Nacional do Programa de Imunização (SI-PNI), do Ministério da Saúde. Até o momento, Mato Grosso já recebeu 1.896.910 doses de imunizantes contra a covid-19.

(Da Assessoria)

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorComo criar um negócio lucrativo em 2021?
Próximo artigoEmanuel Pinheiro prorroga decreto e toque de recolher segue entre 1h e 5h