Material escolar: mais de 72% dos pais levam os filhos na hora da compra

Mas será que essa é uma boa ideia? Para a maioria, é importante ter a participação das crianças neste momento

(Foto de Sarah Dietz no Pexels)

O ano nem bem começa e muitos pais já traçam planos de como completar todos os itens da lista do material escolar. Diversas questões vem à cabeça e nesse emaranhado de questionamentos está a dúvida: é bom ou não levar o filho às compras?

Pouco mais de 72% dos participantes de uma pesquisa online responderam que levam os filhos para participarem deste momento. O levantamento foi feito pela Pritt, nas redes sociais.

E a visão de especialistas é que a presença da criança nesse momento é, sim, importante. Ele traz estímulos à criança e também inicia a reinserção no ambiente escolar, mas requer cuidados para que as compras não sejam feitas por impulso.

Essa aproximação com o clima dos estudos por meio da aquisição dos materiais ativa a imaginação, elevando a autoestima. Ter o produto preferido traz motivação às crianças. No entanto, é importante que os adultos expliquem, de forma didática, o quanto representou essa compra para que seja entendido o valor desse investimento.

Neste processo de compras, a criança desenvolve o senso de responsabilidade, analisando, por exemplo, aquilo que ganhou no ano passado e os materiais que terá neste ano. A criança reconhecerá a importância daquele material que ela carrega no cotidiano escolar.

(Da Assessoria)

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anterior“Campanha já é crime”
Próximo artigoPandemia impulsiona busca por livros de autoconhecimento