Marcelo Duarte fecha com PSB e deixa Sinfra para disputar Câmara

Secretário é aposta da nova cúpula para substituir Valtenir Pereira como deputado federal

Secretário de Estado de Infraestrutura e Logística, Marcelo Duarte. (Foto: Ednilson Aguiar/O Livre)

O secretário de Estado de Infraestrutura (Sinfra), Marcelo Duarte, decidiu se filiar ao PSB. Ele é a aposta da nova cúpula do partido, que deve ser dirigido pelo deputado estadual Max Russi e pelo secretário de Agricultura Familiar, Suelme Fernandes, para concorrer a deputado federal e conquistar a cadeira hoje ocupada por Valtenir Pereira, que deve se filiar ao MDB. Com isso, Duarte deve deixar a Sinfra até o próximo sábado (7), quando se encerra o prazo de desincompatibilização.

O acordo entre Max, Suelme e o presidente nacional do PSB, Carlos Siqueira, incluiu a construção de uma candidatura viável a deputado federal, pois, com a saída de Valtenir, a sigla ficaria sem nenhum representante de Mato Grosso na Câmara. Em 2014, o PSB elegeu dois deputados federais: Fábio Garcia (DEM) e Adilton Sachetti (PRB), que deixaram o partido em 2017 depois de serem punidos pela postura em favor do governo Michel Temer (PMDB).

Em abril de 2017, Fábio Garcia votou a favor da reforma trabalhista, contra a orientação nacional do PSB. Diante da rebeldia, ele foi destituído da presidência do partido em Mato Grosso.

O LIVRE apurou que Valtenir, que é o atual presidente regional do PSB, acertou filiação ao MDB na terça-feira (3), depois de passar oito meses fora do partido. Ele deve migrar antes do fim da janela partidária, que se fecha no próximo sábado (7). Com a saída de Valtenir, seu aliado e vice-presidente Cleber Ávila deveria assumir o comando do PSB em Mato Grosso.

Com a costura feita por Valtenir junto à direção nacional do PMDB, Siqueira decidiu dissolver o diretório presidido por Valtenir e eleito na em setembro de 2017. Eles apostam na desfiliação de mais da metade dos membros para invalidar o diretório. Com a nova reviravolta, o PSB, que estava na oposição ao governador Pedro Taques (PSDB) desde a entrada de Valtenir, agora volta a fazer parte da base do governo, e deve dar sustentação à reeleição do tucano.

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

O LIVRE ADS