Mais de 40% dos casos de câncer em Cuiabá, são de próstata

Especialista explica que a doença é uma das mais comuns entre homens. Diagnóstico precoce é essencial para garantir chances de cura

Imagem ilustrativa (Foto: Freepik)

O câncer de próstata é a neoplasia mais comum entre os homens em Mato Grosso. Segundo Instituto Nacional de Câncer (Inca), a taxa de incidência bruta da doença, prevista para até 2022, representa 34,47% dos casos totais de câncer no Estado. Só em Cuiabá, o dado do Inca demonstra que ele está presente em 40,20% das neoplasias previstas para o período.

Professor do curso de Medicina da Universidade de Cuiabá, Carlos Evaristo Metello explica que a doença pode ser diagnosticada ainda no início, aumentando as chances de cura.

O urologista diz que o câncer de próstata é silencioso quando está em sua fase inicial e aponta a importância de ter atenção aos sintomas.

“Pode-se sentir dificuldade em urinar, ou a necessidade de ir ao banheiro mais vezes durante o dia ou noite, por exemplo. Mas, por este tipo de câncer ter um desenvolvimento lento na grande maioria das vezes, os sintomas na fase inicial são muito raros. Grande parte dos sintomas urinários baixos são provenientes de uma patologia benigna, mas o câncer de próstata, quando se torna sintomático, já se encontra em fases mais avançadas. Por isso, é importante realizar os exames regularmente.”

O professor da Unic indica que o exame de toque e o de sangue (PSA), sejam feitos todos os anos por homens que tenham mais de 50 anos, ou a partir dos 45, caso exista histórico familiar. E destaca que o exame de toque é tão importante quanto o exame de sangue, já que ambos propiciam maior chance de identificação de anomalias.

“O toque também é essencial para o rastreio da doença. O tabu e o preconceito que existem em muitos homens, fazem com que se perca a oportunidade do diagnóstico precoce. É preciso combater este pensamento, pois as chances de cura são bem maiores quando a identificação é feita no início”, diz.

Carlos acrescenta que o toque retal é simples e rápido, podendo ser feito no próprio consultório médico. “Leva aproximadamente 5 segundos, e não causa dor. Este é o momento em que o médico avalia se existe algum nódulo ou se a próstata aparenta estar maior do que deveria, podendo então encaminhar o paciente para o tratamento mais adequado”, explica.

O especialista indica que, além do exame regular, os homens podem manter hábitos saudáveis no dia a dia, para prevenir não só o câncer de próstata, mas diversos tipos de câncer.

“Uma dieta rica em frutas, verduras, legumes, grãos e cereais integrais e com menos gordura, principalmente as de origem animal, ajuda a diminuir o risco de câncer. Além disso, outros hábitos saudáveis também são recomendados, como fazer, no mínimo, 30 minutos diários de atividade física, manter o peso adequado à altura, diminuir o consumo de álcool e não fumar. O uso de hormônios sem orientação médica, prática muito observada hoje em dia, também deve ser evitada”, orienta o professor.

(Da Assessoria)

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorRoteiro de Mulher-Maravilha 3 está em desenvolvimento, diz Gal Gadot
Próximo artigoBate-boca encerra sessão e pedido para cassar Emanuel Pinheiro não é votado