Justiça decreta medidas para conter avanço da covid-19 em quatro municípios

São alvos da ação os municípios de Mirassol d'Oeste, Poconé, Barra do Garças e Pontal do Araguaia. Nos dois últimos deve ser cumprida quarentena obrigatória

Juiz José Luiz Leite Lindote

A Justiça de Mato Grosso determinou o cumprimento de medidas restritivas para a a contenção do contágio de covid-19 em quatro municípios do Estado, cuja classificação de risco de contágio da doença varia entre alta e muito alta.

O ranking é feita pela Secretaria Estadual de Saúde de Mato Groso (SES-MT) e é atualizada semanalmente.

Eram alvos da ação na Justiça os municípios de Barra do Garças, Pontal do Araguaia, Mirassol d’Oeste e Poconé. O pedido para determinar a adoção de medidas mais inflexíveis – inclusive de quarentena obrigatória – foi protocolado pelo Ministério Público do Estado (MPE).

Com exceção de Pontal do Araguaia, cuja classificação de risco é baixa, todos os outros municípios citados estão classificados com potencial muito alto para o contágio da doença.

Nos municípios citados, ficarão proibidas as atividades que possam promover aglomeração de pessoas, como festa e confraternização familiar, mesmo que nas residências.

As atividades econômicas consideradas essenciais deverão ter horário e dia de funcionamento reduzidos.

LEIA TAMBÉM

As decisões são assinadas pelo juiz José Luiz Leite Lindote, da Vara Estadual da Saúde e passam a valer a partir da 0h do sábado (18). Caso descumpram as determinações, os prefeitos terão que pagar multa diária de R$ 100 mil.

Antes de proferir a decisão, o magistrado, promoveu audiência de conciliação, por videoconferência, entre representantes dos dois municípios e do Estado, mas não houve acordo.

Para ajudar, o governo se comprometeu a aumentar o efetivo policial para auxiliar na fiscalização das medidas impostas pela prefeitura.

Quarentena obrigatória

Além das medidas restritivas, o magistrado decretou quarentena obrigatória em Barra do Garças e Pontal do Araguaia. Para tomar a decisão, Lindote cita os números da doença nos dois municípios.

Segundo o magistrado, Barra do Garças tem 134 casos em monitoramento,37 óbitos e 215 recuperados, totalizando 386. Já em Pontal do Araguaia são 44 casos monitorados, 20 recuperados e nenhum óbito, totalizando 64.

“Os dados acima indicam crescimento contundente e vertiginoso da disseminação da doença, e exigem do Poder Público – em esforço covergente -a eleição de procedimentos e regras para fins de prevenção à infecção”, diz trecho do despacho.

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorPrefeitura de Cuiabá anuncia mais 20 leitos de UTI exclusivos para covid-19
Próximo artigoQuarentena sem efeito?!