Justiça condena José de Abreu a indenizar Bia Doria em R$ 50 mil por ofensa virtual

O ator e ativista de esquerda foi condenado por comparar a primeira-dama de São Paulo com uma vaca

(Arquivo)

Famoso pela militância virtual, o ator José Abreu foi condenado em R$ 50 mil por um tuíte em suas redes sociais. Na publicação feita em 2016, o ator comparou a primeira dama de São Paulo, Bia Doria, a uma vaca.

O juiz Douglas Iecco Ravacci, da 33º Vara Cível da Comarca de São Paulo, decidiu que o ator deverá pagar o montante de R$ 50 mil para Bia Doria como uma forma de ressarcimento por danos morais.

“STF proíbe vaquejada mas permite que a Bia Doria dê entrevista? É um crime contra os animais…”, disse o ator pelo Twitter.

Pela decisão, José abreu também fica obrigado a arcar com o pagamento das despesas processuais, além do honorários advocatícios de até 10% do valor atualizado da condenação.

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorPF investiga caixa 2 e lavagem de dinheiro em campanha de Taques
Próximo artigoCertificação Covid-Free