Justiça condena homem que transportou 100kg de maconha para o Comando Vermelho

Quantia de R$ 15 mil foi paga para droga sair de Mato Grosso com destino a Mato Grosso do Sul

Foto: Ednilson Aguiar/O Livre

Juiz da 13ª Vara Criminal de Cuiabá, Francisco Alexandre Ferreira Mendes Neto condenou pelo crime de organização criminosa um homem que transportou mais de 100kg de maconha de Mato Grosso para Mato Grosso do Sul. O objetivo do condenado teria sido  favorecer o Comando Vermelho.

Júlio César dos Santos Souza, “vulgo Luquinha”, cumprirá a pena em regime fechado. O tempo de prisão, no entanto, não foi publicado no Diário da Justiça.

De acordo com a denúncia do Ministério Público de Mato Grosso, em setembro de 2019, Júlio César recebeu 100kg de drogas em uma das regiões de fronteira com o Paraguai.

O produto foi transportado e entregue em Rondonópolis (220 km de Cuiabá). No local, ele teria recebido o pagamento: R$ 15 mil.

Houve também a entrega de uma quantia de droga que saiu de Mato Grosso com destino a Dourados, interior de Mato Grosso do Sul.

O MP diz que as informações obtidas revelaram o profundo envolvimento de Júlio César com o narcotráfico, até mesmo com a facção criminosa Comando Vermelho.

Agora condenado, ele registra longos antecedentes criminais. Já possui sentença transitada em julgado – ou seja, definitiva e irrecorrível – pelos crimes de tráfico de drogas, roubo majorado e porte ilegal de arma de fogo.

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorMP cobra R$ 118 milhões de empresas e servidores por fraude em casas populares de MT
Próximo artigoGuarda Municipal: Prefeitura de VG pretende abrir concurso para 150 agentes