Jus sperniandis

Zeca Viana reclama de nova votação das contas do governo

(Foto:Ednilson Aguiar/ O Livre)

O deputado estadual Zeca Viana (PDT) reagiu à decisão do líder do governo, Wilson Santos (PSDB), de reunir a Comissão de Orçamento para decidir sobre a anulação da aprovação das contas de 2016 do governador Pedro Taques (PSDB), na próxima quarta-feira (9). Ele classificou a nova reunião como uma “trapalhada perigosa” e “ilegal”.

Segundo Zeca, o governo se convenceu de22 que a primeira votação foi ilegal e, por isso, resolveu votar novamente.

O curioso é que foi justamente isso que o deputado pediu – a anulação da votação – quando entrou com um mandado de segurança com pedido de liminar, que foi negada pela desembargadora Maria Erotides Kneip.

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorGabinete do vereador Luís Cláudio é arrombado e ladrões levam televisão
Próximo artigoJustiça acata pedido do MPE e manda suspender concurso público