Juiz mantém sentença de Chica Nunes

Ex-presidente da Câmara de Cuiabá perdeu direitos políticos por 10 anos e terá que pagar multa por fraudes

(Foto: Ednilson Aguiar/ O Livre)

Ex-vereadora e ex-presidente da Câmara de Cuiabá, Chica Nunes continua condenada por crimes de fraude que desviou R$ 6,3 milhões dos cofres públicos. O juiz da Vara Especial de Ação Civil Pública, Bruno D’Oliveira, rejeitou recurso de defesa que alegava omissão no julgamento. 

A decisão é do dia 24 deste mês. Chica Nunes e mais cinco pessoas, incluindo o marido dela, Marcelo Ribeiro Alves, foram por fraude em licitação entre 2005 e 2006, anos do exercício do mandato de presidente da Câmara.  

A condenação foi determinada em fevereiro deste ano. Além de multa, cujo valor ainda será determinado pela Justiça, Chica Nunes perdeu seus direitos políticos por 10 anos.  

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorConsórcio de prefeitos para compra direta de vacina quer fechar negócio em 30 dias
Próximo artigoManaus começa a vacinar pessoas a partir de 55 anos, com comorbidades