Jovem é preso por matar o namorado da mãe a facadas em MT

Primo, que também participou do homicídio, está foragido

(Foto: Facebook)

Um jovem de 21 anos, identificado como Rodrigo Lima Soares, foi preso nessa segunda-feira (27) após assumir ter matado o namorado de sua mãe, Udilson Alves de Souza, 46 anos, a facadas. Ele afirmou ter cometido o crime junto com o primo, Salatiel Lima de Amaral, que está foragido.

O homicídio aconteceu no domingo (26), mas a namorada da vítima e mãe e tia dos suspeitos, de 43 anos, só encontrou o corpo de Udilson nessa segunda-feira, ao ir à casa dele, na zona rural de Sorriso (400 km de Cuiabá).

A Polícia Militar foi acionada nessa segunda-feira de manhã e encontrou Udilson com diversos cortes no corpo – no pescoço, costas e peito.

No local também estava a namorada dele, que contou que quem teria cometido o crime era seu filho e seu sobrinho e que o homicídio provavelmente havia sido arquitetado por seu filho, motivado por ele não aceitar sua relação amorosa com a vítima.

Ela contou, ainda, que o assassinato havia acontecido no domingo, visto que ela viu o filho e o sobrinho chegando em casa com as mãos e os braços sujos de sangue e eles se justificaram dizendo que haviam matado uma galinha.

Ela desconfiou do crime porque no sábado (25), dia de Natal, o filho e o sobrinho haviam entrado em luta corporal com seu namorado e o ameaçado de morte.

Diante da desconfiança, ela resolveu ir até a casa do namorado nessa segunda-feira (27), por volta das 8 horas, e, ao chegar na casa, situada na região do Talhão Verde, já o encontrou sem vida.

Ela também encontrou o sobrinho na estrada, muito nervoso e assustado, e ele disse que estava a caminho da cidade de Sorriso. Por fim, ela contou aos policiais onde possivelmente o filho estaria escondido.

Os policiais foram até a casa indicada pela mãe e encontraram o suspeito, que tentou fugir correndo para um matagal, mas acabou detido.

Ele confessou ter cometido o homicídio junto com o primo e que este havia fugido para a cidade. Os militares fizeram rondas em busca do segundo suspeito, mas não o localizaram.

O caso foi registrado como homicídio doloso.

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorEmpresa Cuiabana de Saúde Pública oferece 49 vagas imediatas para médicos anestesiologistas
Próximo artigoSaiba onde encontrar atendimento gratuito em Cuiabá se estiver com síndrome gripal