Jovem é extorquido e agredido com tamanco durante programa no Zero

Ele foi obrigado a fazer uma transferência de R$ 600 para uma conta

(Foto: Freepik)

Um jovem de 26 anos foi vítima de extorsão, agressão e ameaça ao fazer um programa sexual com uma transexual no “Zero KM”, conhecida zona de prostituição em Várzea Grande (região metropolitana de Cuiabá), na madrugada desta segunda-feira (23).

Conforme o boletim de ocorrência, o jovem estava trafegando pelo Zero quando foi chamado por uma transexual para realizar um programa.

Ele acertou o valor de R$ 50 pelo programa e os dois foram para um motel. Após o ato, porém, segundo relato do rapaz, a suspeita teria passado a extorqui-lo mediante ameaças de morte.

Ele afirma, também, que ela teria começado a quebrar o carro dele. Pouco depois, outra transexual teria entrado no quarto e também passado a ameaçar o homem, dizendo ter uma faca na bolsa.

Segundo o boletim de ocorrência registrado pelo jovem, as duas o agrediram no rosto com um tamanco enquanto gritavam a todo momento que iriam puxar uma faca para feri-lo.

Ele disse à polícia, ainda, ter sido forçado a transferir R$ 600 para a conta de uma pessoa com nome de homem. Ele forneceu os dados da conta à polícia.

Após ser liberado pelas suspeitas, ele procurou uma delegacia e registrou um boletim de ocorrência por extorsão.

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorSefaz intensifica fiscalizações em rodovias e consegue reaver R$ 24 milhões em impostos sonegados
Próximo artigoBombeiros tentam controlar incêndios em Chapada dos Guimarães há 4 dias