Jovem é assassinado ao tentar defender a mãe de ex-companheiro dela

Após o crime, suspeito foi desarmado e quase foi linchado por familiares e vizinhos da vítima

Foto: Assessoria Polícia Civil

Um jovem de 24 anos, identificado como Marcos Aurélio Corrêa Cordeiro, foi assassinado pelo ex-companheiro da mãe, de 60 anos, ao tentar defendê-la. O crime ocorreu no Bairro Doutor Fábio II, em Cuiabá.

O acusado e a mãe da vítima mantiveram um relacionamento amoroso, mas se separaram e o suspeito não aceita o fim da relação e tem ameaçado a família da ex.

Segundo relato das testemunhas à polícia, nesse domingo, por volta das 17h30, ele foi até a casa da ex-companheira muito nervoso e começou a discutir com a ex-companheira.

Ele chegou a ir para cima da ex e o filho interveio, tentando convencê-lo a ir embora e deixar a família em paz. O ex-padrasto, no entanto, estava armado e acabou atirando no peito do ex-enteado.

Familiares e amigos que viram a cena reagiram imediatamente tentando desarmar o atirador. Ele chegou a disparar mais um tiro, mas não atingiu ninguém.

Por fim, ele foi rendido, desarmado e quase foi linchado pelas testemunhas.

A vítima Marcos Aurélio foi socorrida e levada à Policlínica do Planalto pela família, mas não resistiu ao ferimento e morreu antes de chegar ao hospital.

O suspeito foi encaminhado ao Hospital Municipal de Cuiabá para receber atendimento médico, devido aos ferimentos causados pela tentativa de linchamento. Ele ficou internado sob a guarda de uma equipe policial. No bolso dele foram encontradas 17 munições calibre 38 intactas.

O caso foi registrado como homicídio doloso.

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorPolícia cumpre 16 mandados contra quadrilha envolvida em homicídios na região de fronteira
Próximo artigoBolsonaro testa negativo para coronavírus