Jovem denuncia assédio após ter que ficar nua para fazer raio-x

O radiologista pediu que a paciente retirasse a blusa e o sutiã e abaixasse a calça e a calcinha, o que a deixou assustada

Imagem ilustrativa (Foto: Reprodução)

Uma jovem de 18 anos acionou a Polícia Militar em uma Unidade de Pronto-Atendimento de Várzea Grande (região metropolitana de Cuiabá) nesse domingo (5) ao ser encaminhada para a realização de um raio-x e o radiologista a deixar nua para fazer o exame.

Segundo o relato da jovem à polícia, o radiologista pediu que ela retirasse a camiseta e o sutiã e abaixasse a calça e a calcinha até a altura dos joelhos para que o raio-x fosse realizado.

A jovem, no entanto, estranhou o pedido porque nesse domingo já tinha feito um raio-x na Policlínica do Bairro Verdão, em Cuiabá, e não teve que ficar nua.

Por se sentir assediada, ela imediatamente acionou a Polícia Militar. Uma equipe foi até o local, ouviu a jovem e foi conversar com o radiologista.

O profissional, de 26 anos, confirmou ter pedido que a jovem se despisse para o procedimento, mas alegou que o pedido era para evitar que peças metálicas das vestes interferissem na nitidez da imagem.

“Procedimento padrão”

Ele afirmou ainda que esse procedimento é adotado por ele como padrão para todos os pacientes e que não havia tocado na paciente em momento algum, nem conversado com ela sobre qualquer assunto que não fosse sobre o exame, ou prolongado o atendimento além do tempo necessário.

Como ele era o único plantonista da radiologia na UPA e a paciente confirmou as alegações dele, o radiologista não foi encaminhado para a delegacia para que a UPA não ficasse sem atendimento.

O caso, no entanto, foi registrado pelos policiais na Central de Flagrantes de Várzea Grande como “ocorrências atípicas”.

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorCuiabá terá barreira sanitária e bairros poderão ser bloqueados
Próximo artigoA Magia da Recuperação Judicial

O LIVRE ADS