Jovem de 14 anos encontra drogas, esconde e é ameaçado pelo Comando Vermelho

Tio recebe ligação de suposto membro de facção criminosa de São Paulo e informa à polícia

Credito : Da redação/ Isso é noticia

Um menor de 14 anos foi ameaçado de morte por criminosos do Comando Vermelho depois de ter sido acusado de roubar entorpecentes e esconder a mercadoria para vender posteriormente. O garoto teria encontrado as drogas ao sair de casa para jogar bola no bairro Jardim Califórnia, em Sinop (500 km de Cuiabá), em uma construção abandonada.

No local, o jovem teria visto cerca de dois quilos de uma substância análoga a maconha e duas balanças de precisão. “O garoto disse que foi buscar a bola que havia caído no terreno da construção e viu um tambor. Quando se aproximou, encontrou 16 tabletes da substância e as balanças”, consta no registro da ocorrência.

O menor teria escondido a mercadoria. O caso só foi descoberto porque o tio do garoto teria recebido uma ligação de um membro da organização criminosa, ameaçando o menor para que a droga fosse devolvida. O DDD da ligação era de São Paulo.

Do outro lado da linha, ainda segundo o tio, o criminoso teria estipulado o prazo de meia hora para que a substância fosse devolvida. Só então, o tio do rapaz teve conhecimento do ocorrido e ligou para o Conselho Tutelar.

A polícia, ao chegar na localidade procurando a droga que o menor havia escondido, se deparou com outro jovem de 16 anos, em atitude suspeita, dando voltas no local. Após abordagem da polícia e tentativa de fuga, o mesmo rapaz  foi autuado e preso por desacato.

“O rapaz disse que era membro da facção Comando Vermelho, que isso não ficaria assim, que iriam pagar por isso e que lugar de cagueta é no caixão”, consta na ocorrência.

Os menores foram conduzidos ao Departamento da Polícia Judiciária da Civil local, onde foi registrado um boletim de ocorrência. Os jovens estão sujeitos às medidas socioeducativas.

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorServidores terão redução de jornada de 50% para acompanhar filhos com deficiência
Próximo artigoMinistros do STF criticam propostas de nova Assembleia Constituinte