Jean Wyllys terá que pagar indenização após chamar Kim Kataguiri de nazista

A justiça determinou que o ex-deputado federal deve pagar R$ 5 mil

(Foto: Câmara dos Deputados)

O ex-deputado federal Jean Wyllys vai ter que indenizar o deputado federal e membro do MBL Kim Kataguiri (União-SP). O socialista havia chamado o deputado de “nazista” em suas redes sociais.

De acordo com informações da Folha de S. Paulo, o valor da indenização determinado pela justiça é de R$ 5 mil.

De acordo com juíza Marilza Neves Gebrim, do Tribunal de Justiça do Distrito Federal e Territórios (TJDFT), as declarações do socialista ofenderam a honra de Kim e ultrapassam o limite da liberdade de expressão.

A juíza também ordenou que o ex-deputado apague a publicação onde chama Kim Kataguiri de nazista.

Motivo da ofensa

Jean afirmou que Kim era nazista após a polêmica envolvendo Kim Kataguiri e Monark durante uma edição do programa Flow Podcast.

Na ocasião, Kataguiri foi questionado pela deputada federal Tabata Amaral (PSB-SP) e disse que achava errado a Alemanha ter criminalizado o nazismo.

Pedido de desculpas

Após a polêmica envolvendo a fala, Kim Kataguiri disse que foi mal interpretado e pediu desculpas pelo comentário.

Na ocasião ele também processou Wyllys e mais 16 pessoas por imputação de apologia ao nazismo.

LEIA TAMBÉM

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorMotorista de aplicativo que teria estuprado passageira é suspeito de outros crimes
Próximo artigoAlexandre Moraes manda bloquear contas bancárias da mulher de Daniel Silveira