Já foi vítima de fraude? Agora é possível saber quantos celulares pré-pagos usam seu CPF

Dados do cadastro nacional estão disponíveis para morados do Centro Oeste; saiba o que fazer se for uma vítima

(Foto: Marcello Casal Jr/Agência Brasil)

Você sabe quantas linhas de telefone celular tem seu nome? Sabe mesmo? Com o objetivo de identificar fraudes, a Anatel, em parceria com as operadoras Claro, Oi, Tim, Vivo, Sercomtel e Algar, criou um cadastro de todas as linhas de celular pré-pago do país.

A partir de quarta-feira (15), moradores dos Estados brasileiros localizados nas regiões Centro Oeste e Nordeste vão ter acesso a esses dados. Com isso, vão poder conferir quantas e quais linhas estão registradas em seus CPF.

Trata-se do portal do Cadastro Nacional da Telefonia Pré-paga, chamado Cadastro Pré.

Quem mora no Sul e do Sudeste do Brasil deve ter os dados disponibilizados a partir do dia 22 deste mês.

Com a consulta no cadastro, os brasileiros vão poder identificar se há, em seu nome, algum dispositivo que não adquiriu, encontrando, assim, fraudes com o uso de dados pessoais.

Como proceder se for o seu caso?

Se você descobrir uma linha fraudulenta em seu nome, vai precisar entrar em contato com a operadora. As companhias têm até 24 horas para encaminhar o pedido, se ele for feito por um atendente, ou 48h se tiver sido realizado por algum canal sem participação humana, como sites.

O serviço, contudo, não mostra as linhas pós-pagas que possam ter sido ativadas irregularmente com os dados cadastrais de uma pessoa.

(Com informações da Agência Brasil)

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorQuer saber em que cidades do mundo o VLT funciona? Fizemos uma lista
Próximo artigoCoringa lidera indicações ao Oscar e Brasil marca presença na premiação