Investimentos essenciais para todos os condomínios

Ao elencar as principais necessidades de um condomínio, alguns itens se destacam no que diz respeito a garantir segurança e conforto aos moradores, além de tranquilidade aos administradores.

Para-raio, elevador e gerador de energia são facilidades que agregam benefícios imediatos à rotina dos variados tipos de edificações, e também podem ser diferenciais nas operações de compra e venda de um imóvel.

Ao investir nestes equipamentos, os responsáveis devem sempre ficar atentos para atuar de forma preventiva às diversas situações e manter seu funcionamento em ordem.

Para-raios

A maior quantidade de queda de raios no mundo acontece no Brasil. É justamente para ficarem protegidos destas ocorrências que condomínios recorrem à instalação de para-raios.

Ao ser atingido por uma descarga elétrica, estes equipamentos a desviam para o sistema de cabos até atingir o solo, onde o raio perde a força e se dissipa.

Sem uma estrutura de prevenção, há risco de danos na estrutura física dos prédios e queima de elevadores, câmeras, portões e eletrodomésticos.

E mais grave são as chances de acidentes e choques elétricos atingirem pessoas – funcionários e moradores, enquanto a corrente é descarregada no solo.

Compete ao síndico a escolha da empresa especializada para instalar o modelo mais adequado às necessidades do imóvel e cuidar da manutenção e vistoria semestral.

Se o para-raio não estiver conforme determina a norma 5419 da Associação Brasileira de Normas Técnicas (ABNT), a seguradora pode suspender a indenização para o condomínio atingido e o síndico responder cível e criminalmente se houver acidentes.

Modernização de elevadores

O elevador é um aparelho que demanda atenção por ser vital para a acessibilidade e mobilidade de moradores, independente de idade.

Pela legislação, os condomínios são obrigados a terem uma empresa de manutenção para os elevadores, que realiza vistorias constantes do estado do motor do elevador, do operador de porta e do quadro de comando.

As avaliações técnicas podem apontar a necessidade de modernizar a estrutura. A partir de 15 anos, começa a haver desgaste de componentes, travamentos e corrosão mecânica em decorrência do uso muito frequente.  

O procedimento pode ser antecipado se o equipamento apresentar desníveis entre o andar e a cabine, emitir ruídos mais altos, tiver falhas e interrupção de serviço constantes e gastar muita energia elétrica.

O investimento pode ser alto, no entanto, entre os benefícios estão segurança no uso e economia de energia.

Geradores de energia 

O gerador de energia garante que elevadores, portões eletrônicos, interfones, alarmes, portarias remotas, luzes das áreas comuns e até dos apartamentos continuem funcionando nos casos de falha ou queda de energia da concessionária.

Nestas situações, o equipamento é ligado automaticamente e mantém o fornecimento para todo o condomínio, por um período que varia conforme a potência do equipamento.

Esta é uma maneira de evitar situações de pânico – como pessoas presas no elevador, dificuldades para quem tem mobilidade reduzida e prejuízos causados pela falta de energia.

Outra vantagem de contar com um gerador é que ele poder ser acionado em momentos de alta demanda de energia ou horários nos quais o valor cobrado pelas concessionarias é mais caro, resultando em economia nos custos com eletricidade repassados aos moradores.

A locação de geradores é uma opção viável economicamente na hora de incorporar esta solução ao condomínio.

A empresa locatária fica responsável pela indicação do modelo com a potência, o tipo de combustível e a emissão de ruídos mais adequados a cada demanda. Alem disso, oferecem manutenção e monitoramento com equipe especializada.

 

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorVocê adotaria um espaço público? Ideia tramita na ALMT
Próximo artigoConheça as novas regras do crédito consignado para segurados do INSS