Inverno começa hoje, mas temperatura em MT deverá continuar alta durante estação

A previsão é que as massas de ar seco e quente favoreçam incêndios florestais durante a estação no estado

(Foto: Ednilson Aguiar/O Livre )

O inverno no Hemisfério Sul começou nesta terça-feira (21) e vai até o dia 22 de setembro de 2022. A temperatura em Mato Grosso, porém, deverá continuar alta devido à permanência de massas de ar seco e quente, principalmente nos meses de agosto e setembro.

Somente em algumas localidades do sul de Mato Grosso que as temperaturas poderão ficar abaixo do normal para a região, devido à passagem de algumas massas de ar frio mais continentais.

Como característica do período na região Centro-Oeste, a previsão é que as massas de ar seco e quente favoreçam incêndios florestais durante a estação no estado, em especial em agosto e setembro.

O período seco também já começou e, segundo o Instituto Nacional de Meteorologia (INMET), a tendência é de ainda maior diminuição da umidade relativa do ar nos próximos meses, com valores diários que podem ficar abaixo de 30% e picos abaixo de 20%.

Apesar disso, a probabilidade de chuvas em Mato Grosso durante a estação é alta, mas dentro e abaixo do normal para o estado, exceto na região noroeste, onde as chuvas podem vir acima da média.

Previsão do tempo

Até o fim da semana a temperatura em Cuiabá ficará entre 18º e 35º. Começará a baixar somente a partir da quarta-feira da próxima semana, 29 de junho, quando ficará entre 14º e 26º. Cai ainda mais na quinta-feira (30), chegando a mínima de 9º, mas máxima de 27º. Na sexta-feira (1º), porém, a máxima já volta para a casa dos 30º.

Não há previsão de chuva na Capital mato-grossense até o dia 5 de julho.

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorAbertas as inscrições para a segunda edição do Revalida de 2022
Próximo artigoPai é preso acusado de matar o próprio filho de um ano em MT