Intenção de consumo das famílias em Cuiabá tem terceira queda seguida

Maior pessimismo foi observado nas famílias com renda de até 10 salários mínimos mensais

(Foto: Maitree Rimthong / Pexels)

Em abril, a pesquisa que avalia a Intenção de Consumo das Famílias (ICF) cuiabanas apresentou resultados negativos. O índice atingiu 69,6 pontos, sendo a terceira queda consecutiva.

E a nota é baixa: quando o índice abaixo de 100 pontos indica uma percepção de insatisfação. Por outro lado, enquanto acima de 100 (com limite de 200 pontos) indica o grau de satisfação.

A queda de 3,6% no mês elevou o grau de pessimismo tanto no comparativo com janeiro de 2021, quando registrou o melhor desempenho no ano (73,5 pontos), e sobre abril do ano passado (80,8 pontos).

O maior pessimismo foi observado nas famílias com renda de até 10 salários mínimos mensais. No entanto, para as famílias com renda acima disso há uma recuperação do otimismo, tendência que vem se confirmando desde novembro de 2020.

LEIA TAMBÉM

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorSecretária de Saúde de Cuiabá deve ser convocada para explicar remédios vencidos
Próximo artigoAnticorpos gerados pela vacina contra covid podem passar para bebês pela amamentação