Igrejas católicas em Cuiabá: confira as cinco mais antigas da cidade

Templos para os fiéis e pontos turísticos; confira as cinco igrejas mais antigas de Cuiabá

(Foto:Ednilson Aguiar/ O Livre)

Igrejas vão além de templos para os fiéis, muitas delas também são consideradas pontos turísticos. Pensando nisso, o LIVRE traz para você, que está de passagem por Cuiabá (MT), ou é morador, as cinco mais antigas igrejas católicas da capital mato-grossense.

Conheça um pouco da história de cada uma delas, saiba os dias e horários das missas e aproveite para colocá-las na sua lista de lugares para conhecer.

Igreja Rosário e São Benedito

(Ednilson Aguiar/O Livre)

Localizada na Praça Rosário, no Bairro Lixeira, a Igreja de Nossa Senhora do Rosário e São Benedito é a mais antiga de Cuiabá. Foi construída em 1722, em estilo barroco, e tombada pelo Patrimônio Histórico e Artístico Nacional em 1975, e pela Fundação Cultural de Mato Grosso, em 1987.

O altar-mor é em talha dourada e inicialmente foi edificada com a técnica da taipa de pilão. Desde a inauguração ela passou por várias reformas, incluindo uma que transformou sua fachada em neogótica, entre as décadas de 1920 e 1980, quando foi reformada e a arquitetura colonial resgatada.

Na igreja são realizadas missas às terças-feiras, às 5h e 19h, às quartas, quintas e primeira sexta do mês, às 19h, e aos domingos às 8h e 19h.

Catedral Metropolitana Basílica do Senhor Bom Jesus (Igreja matriz de Cuiabá)

(Ednilson Aguiar/O Livre)

A Igreja Matriz Senhor Bom Jesus de Cuiabá foi fundada em 1723, o que a torna a segunda mais antiga Igreja Católica de Cuiabá. Foi reconstruída em 1739 e em 1745, sendo nesta última colocada uma torre.

A igreja, contudo, só se tornou Catedral em 1826 e uma nova torre foi colocada no ano de 1929. Em 1968 ela foi implodida e em 1973 foi reconstruída, como permanece até os dias atuais, no Centro da Capital.

Na Catedral são realizadas missas às segundas, às 18h30, de terça à sábado, às 6h30 e 18h30 e aos domingos são quatro horários, às 7h, 9h, 17h e 19h.

Igreja São Gonçalo

(Ednilson Aguiar/O Livre)

Fundada em 1781, ocupa o terceiro lugar do ranking. Ela, contudo, só foi transformada em paróquia em 1843. A devoção a São Gonçalo em Cuiabá é bastante antiga, desde os tempos de sua fundação.

Em 1916, a igreja foi demolida para dar lugar à atual construção, localizada na Rua XV de Novembro. Ela possui no alto de sua torre uma imagem de mais de dois metros do Cristo Redentor sobre um globo.

Há também na fachada, entre outros objetos, um relógio que pertenceu anteriormente à Catedral Basílica do Senhor Bom Jesus de Cuiabá.

As missas na igreja são realizadas de segunda a sexta, às 19h, aos sábado, às 17h, e aos domingos são quatro horários, 06h30, 08h30, 17h e 19h.

Igreja Senhor dos Passos

(Ednilson Aguiar/O Livre)

Erguida por volta de 1792 no Centro Histórico de Cuiabá, ela está localizada na Rua Voluntários da Pátria com a Rua 7 de Setembro.

O prédio da igreja é considerado por muitos como o mais bonito do local e a arquitetura é típica das igrejas do período colonial.

Igreja Nossa Senhora da Boa Morte

Finalizando a classificação de mais antigas Igrejas Católicas em Cuiabá, a Paróquia Nossa Senhora da Boa Morte foi construída em estilo barroco no ano de 1810 e fica na Rua Cândido Mariano, na Praça Antônio Correa, Centro de Cuiabá.

Ela foi tombada pelo patrimônio em 1987 e, inicialmente, continha três altares e pertencia à Irmandade dos Homens de Cor. No altar-mor se encontrava a imagem da padroeira.

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

2 COMENTÁRIOS

  1. Bom dia, um comentário: as igrejas que vocês levantaram são as cinco mais antigas hoje, mas não são as cinco mais antigas “ever”. Ness hall deve-se incluir a igreja levantada no Morro do Bom Despacho elevada no século XVIII e dedicada à Nossa Senhora que foi demolida primeiro para só depois ser erigida a Igreja atual.
    Sem chatice, falo isso porque esse fato tem referência com o ideal do cosmos sob o qual Cuiabá foi pensada: uma igreja em cada quadrante (quatro) formado pela divisão das direções cardeais que se cruza na MAtriz, esta última sendo ponto central da onde tudo irradiava. Cinco igrejas fundantes, como nos ideais etruscos (incorporados pelos romanos) da divisão do cosmo: um centro e quatro partes (Norte, Sul, Leste e Oeste). O Centro representa também a abóbada celeste (por isso a única igreja com duas torres, a matriz) e o subsolo (lenda do minhocão enterrado sob a igreja). As categorias fundamentais de direcionamento: esquerda, direita, frente, trás, cima e baixo. Agora pode-se provocar: Já imaginou porque a “Boa Morte” e o cemitério ficam à esquerda (oeste) da Matriz?
    … Fica a dica! 😉

    Beijo em vocês adoro suas matérias!

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorMenina de 13 anos é estuprada com consentimento da avó em troca de favores
Próximo artigoSete veículos são roubados ou furtados diariamente em Cuiabá e Várzea Grande