Idosos ficam aglomerados para vacinação e polícia vai investigar condições

Idosos não puderam ser vacinados no sistema drive-thru em ponto de Cuiabá e ficaram aglomerados em ônibus para triagem, diz polícia

(Foto: Polícia Civil)

As condições de atendimento aos idosos que buscam vacina contra a covid-19, no Sesc Balneário, em Cuiabá, vão ser investigadas pela Polícia Civil. Um Auto de Investigação de Preliminar (AIP) foi aberto, nesta terça-feira (20), pela Delegacia Especializada de Delitos Contra a Pessoa Idosa.

A investigação é motivada por denúncias. Segundo as informações, idosos precisaram ficar esperando em uma fila, no sol, até embarcarem em um ônibus e levados para triagem.

A denúncia aponta que os idosos iam em pé e aglomerados dentro do ônibus, que transportava cerca de 30 pessoas por vez.

LEIA TAMBÉM

Após a triagem, os idosos tinham que novamente embarcar no mesmo ônibus para depois serem levados para o local em que era aplicada a vacina. No local, os policiais constataram o descontentamento dos idosos que acreditavam que a vacina seria aplicada no sistema de “drive-thru”.

A reportagem entrou em contato com a prefeitura, que ainda não se posicionou sobre a investigação. O espaço continua aberto para manifestação.

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorJustiça nega bloqueio de R$ 848 mil do prefeito de Rondonópolis
Próximo artigoEm carta a Biden, Mendes e outros 8 governadores propõem parceria ambiental