Idoso de 70 anos é preso por matar gato de vizinha e criar arara e papagaio em gaiolas

Ele matou o gato com uma arma de pressão e jogou no lixo em uma sacola

(Imagem ilustrativa / Pixabay)

Um idoso de 70 anos foi preso nessa terça-feira (16) acusado de matar o gato de sua vizinha no centro de Sinop (500 km de Cuiabá).

A Polícia Militar foi acionada com a denúncia de uma situação de maus-tratos a animais e, ao chegar no local, encontrou a dona do gato, que relatou que o vizinho havia atirado com uma espingarda em seu gato e, em seguida, saído com o animal dentro de uma sacola e colocado na lixeira em frente à casa dele.

Os policiais foram até a lixeira e encontraram a sacola com o gato. Uma instituição que cuida de animais foi acionada para ficar responsável pelo corpo.

Questionado, o idoso abriu o portão e mostrou onde estava a espingarda que ele havia usado, que era de pressão, e entregou também os chumbinhos.

No interior da casa, os militares encontraram também uma arara e um papagaio. O idoso não tinha nenhum documento para possuir os animais, então a Secretaria do Estado de Meio Ambiente (Sema) foi acionada e um analista foi até o local.

Os animais foram recolhidos e encaminhados para a Universidade Federal de Mato Grosso (UFMT), assim como as gaiolas em que os dois estavam.

O idoso, que alegou ter vários problemas de saúde, foi encaminhado para a delegacia, onde o caso foi registrado como maus-tratos com resultado de morte.

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorPolícia Civil deflagra operação em repressão a roubos, furtos e receptações
Próximo artigoVídeo| Procurador fala com detalhes sobre esquema de compra ilegal de caminhonetes