Homem tenta receber auxílio em VG e descobre que R$ 1 mil já tinha sido sacado em SP

Golpes envolvendo o auxílio emergencial do governo federal têm sido constantes

(Foto: Marcello Casal/Agência Brasil)

Uma moradora de Várzea Grande (região metropolitana de Cuiabá) de 36 anos descobriu na terça-feira (5) ser mais uma das vítimas de golpes envolvendo o auxílio emergencial do governo federal devido ao coronavírus.

Ela procurou a agência da Caixa Econômica Federal da Avenida Filinto Müller, no centro de Várzea Grande, para sacar o auxílio e foi surpreendida com a resposta: a maior parte do dinheiro já tinha sido sacada.

Por ser chefe de família, ele tinha direito de receber R$ 1,2 mil.

A atendente do banco informou à vítima que o saque tinha sido realizado por uma mulher moradora de São Paulo (SP). Ela levou R$ 1 mil do auxílio destinado ao várzea-grandense.

O gerente do banco orientou a vítima a registrar um boletim de ocorrência. O caso foi registrado como “outras fraudes”.

LEIA TAMBÉM

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorLimite nas exportações
Próximo artigoPedido de expulsão ignorado