Homem morre com tiro acidental no próprio rosto ao guardar arma

Vítima chegou a ser socorrida e levada para hospital, mas não resistiu ao ferimento

(Foto: Pixabay)

Um homem de 51 anos, identificado como Sergio Souza Alves, morreu nesse domingo (30) após atirar acidentalmente no próprio rosto ao tentar guardar sua arma.

O acidente aconteceu em um sítio na Estrada Eleonora, zona rural de Sinop (500 km de Cuiabá).

Segundo duas testemunhas, uma mulher de 41 anos e uma adolescente de 15 anos, amigas da vítima, elas estavam no sítio, arrumando-se para retornar para a cidade, quando ouviram um barulho de tiro no quarto de Sergio.

Elas foram até o cômodo ver o que havia acontecido e encontraram o amigo caído na cama, desacordado. Havia sangue espalhado por todo o lugar.

As duas correram até os vizinhos pedindo por socorro e um vizinho de 49 as ajudou. Ele colocou Sergio em seu carro e se deslocou com ele rumo a Sinop.

No meio do caminho, o motorista encontrou uma ambulância da Rota do Oeste e transferiu Sergio para o veículo, que o levou para o Hospital Regional. A vítima, no entanto, não resistiu e faleceu na unidade.

A Polícia Militar foi acionada no hospital, ouviu as testemunhas e foi até o sítio em que o acidente aconteceu.

No quarto foram encontradas duas armas, uma de pressão e outra de fogo, tipo garrucha cartucheira, calibre 36, com um cartucho deflagrado. As duas armas foram apreendidas.

O caso foi registrado como ocorrência de natureza diversa, porte ilegal de arma de fogo de uso permitido e morte acidental.

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorFlávio Bolsonaro filia-se ao Patriota
Próximo artigoBrasil pode voltar a ter racionamento de energia? Entenda porque o alerta está ligado