Homem mata a companheira e vai até a casa da mãe para contar

A sogra encontrou a nora morta a facadas na casa em que o filho morava com a vítima

Imagem ilustrativa (Foto: Ednilson Aguiar/ O Livre)

Um mulher de 33 anos, identificada como Ariana Francelino de França, foi assassinada pelo companheiro, Estevam Ricardo, 31 anos, no início da manhã desta terça-feira (17) na casa em que os dois moravam, no Bairro Jardim Aroeira, em Cuiabá.

Após o feminicídio, Estevam foi até a casa da mãe e disse: “Mãe, fiz merda”.

A mãe, então, foi até a casa do filho e encontrou a nora deitada no chão da sala, coberta por um lençol e esfaqueada.

A própria mãe ligou para a polícia via 190 e contou o ocorrido, denunciando o filho.

O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) foi acionado, mas apenas pôde constatar o óbito de Ariana.

Quando a Polícia Militar chegou ao local, o suspeito já havia fugido. Até o momento, ele ainda não foi localizado.

A Delegacia Especializada de Homicídio e Proteção à Pessoa (DHPP) irá investigar o caso.

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorO crescimento do Cidadania
Próximo artigoCentrão vai comandar a maioria dos municípios de MT