Homem é processado por fazer “arma com os dedos” durante uma discussão

História real e muito bizarra

Com a tensão crescente de crimes envolvendo armas nos Estados Unidos, até mesmo fazer o gesto de uma arma com os dedos pode acabar te colocando em uma enrascada.

Um homem morador da Pensilvânia, descobriu da pior forma que fazer o gesto de arma com os dedos é uma perturbação de ordem civil e acabou processado pelo homem que ele apontou a “arma” durante uma discussão acalorada.

O incidente aconteceu em junho de 2018 quando Stephen Kirchner andava pela rua do bairro com sua namorada. O homem de 64 anos viu um de seus vizinhos e formou o gesto polêmico chegando inclusive a “atirar” no homem.

O evento bizarro foi tão perturbador para os moradores da rua que vários chegaram a ligar para a polícia para denunciar o homem. Para piorar, a “vítima” do gesto contou à polícia que se sentiu muito ameaçado.

O próprio Kirchner sabia que fazer o gesto pioraria sua situação com o vizinho em questão, mas não imaginava que fazer isso era um verdadeiro crime. “Tenho 64 anos de idade e nunca nem mesmo recebi uma multa. Só fiz o gesto porque o vizinho mostrou o dedo do meio para mim e para minha namorada”

A Corte já definiu o homem como culpado de suas ações, porém ele recorreu. Agora, o processo continuará até tudo ser revisto novamente. Na internet, muitas pessoas defendem o idoso, alegando que ele não cometeu mal real a ninguém.

Confira o momento:

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorBolsonaro passa por nova cirurgia para correção de hérnia
Próximo artigoAnalfabetismo resiste no Brasil e no mundo do século 21

O LIVRE ADS