Homem é preso em flagrante depois de tentar incendiar casa da ex-mulher

O suspeito ainda causou danos em veículos de familiares dela

(Foto: Polícia Civil)

Policiais civis de Paranatinga (375 km ao sul de Cuiabá) prenderam em flagrante nesta segunda-feira (20) um homem de 26 anos que fez diversas ameaças contra sua ex-mulher e causou danos patrimoniais a ela e familiares.

Sem aceitar o fim do relacionamento, o suspeito foi até a casa da vítima e queimou peças de roupas dela, além de tentar também incendiar a residência da ex-mulher utilizando gasolina.

A equipe de investigação da Delegacia de Paranatinga apurou também que o suspeito furou dois pneus do caminhão do pai da vítima, que ele usa para o trabalho, e ainda causou danos no veículo de passeio de um primo da mulher.

(Foto: Polícia Civil)

Segundo a Polícia Civil, o homem foi à residência da vítima no domingo (19) e ateou fogo nas roupas que estavam no varal. Além disso, ele enviou vídeos à vítima fazendo ameaças de morte e confessando que causou os danos aos veículos dos familiares da ex-mulher e queimou as roupas. Conforme os materiais coletados pela Polícia Civil, o suspeito também estava monitorando os passos da vítima.

Durante diligências para localizá-lo, os investigadores o flagraram próximo à residência da vítima, segurando um galão de combustível. Ele acabou confessando os crimes e foi conduzido à delegacia.

O suspeito foi autuado pelo delegado Hugo Abdon por ameaça em contexto de violência doméstica e familiar contra a mulher, além de dano qualificado ao patrimônio de três pessoas distintas. Depois dos procedimentos policiais, ele foi encaminhado à unidade prisional de Paranatinga, onde aguardará decisão judicial.

(Da Assessoria)

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorBombeiros tentam conter incêndio florestal na estrada para Chapada dos Guimarães
Próximo artigoDefesa Civil descobre o que inundou porão de prédio em Cuiabá