GTW celebra 30 anos com show antológico neste sábado, no Cavernas Bar

Integrantes de várias formações se unem para este show. Outras três bandas se apresentam

Registro de uma das formações: Jacaré, Rosi, Serginho H e Drailler

A cultuada banda que marcou a primeira geração do underground cuiabano, a GTW, promete fazer mais uma apresentação antológica em show que marca os trinta anos depois de sua fundação. Músicos de várias formações se unem neste sábado para show no Cavernas Bar.

Vale ressaltar, a última apresentação da banda, ocorreu em 1998. É grande a expectativa dos fãs.

Participam os bateristas Serginho H e Podre, os guitarristas Joe Fagundes (na foto, o último à direita) e Capilé Charbel, o baixista Aldivan Assad, o Jacaré e a musa do movimento punk e hardcore, Rosi Pando. Em um tempo em que as mulheres ainda contavam com pouca representatividade  nesse cenário, ela despontava entre os grandes expoentes do movimento.

A grande confraternização – que promete lotar o principal reduto underground da cidade, o Cavernas – contará ainda, com apresentações das bandas Burning Hate, Skarros e Dying Order para alongar ainda mais a grande noitada.

Um dos produtores do evento, o guitarrista Joe Fagundes, conta que durante as trocas de músicos no palco, serão exibidas cenas do documentário “Entre mortos e feridos, salvaram-se quase todos”, ainda em produção. O documentário traz relatos de várias figuras representativas que fizeram parte da banda, ou que acompanharam o processo.

Nesse trabalho de “garimpo” de histórias, zines, cartazes, vídeos e fotos, Joe Fagundes já conseguiu reunir um belo material que será integrado ao documentário. Algumas dessas imagens, reunimos em uma galeria. Confira:

Tem ainda o vídeo-convite com alguns dos integrantes da GTW:

Mais informações sobre o show deste sábado podem ser encontradas no evento criado para divulga-lo no Facebook: clique aqui!

O Cavernas fica na rua Barão de Melgaço, 3138, Centro. Mais informações: 98117-8963

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorUsuário de drogas vendia tudo o que havia na casa da mãe, de 74 anos
Próximo artigoAdolescente agride mãe que escondeu seu pé de maconha