Grupo prioritário para vacina

Presidente da Assembleia pediu que mais uma categoria de profissionais entre na listas dos primeiros a tomar vacina contra a covid

(Foto:Ednilson Aguiar/ O Livre)

Em razão do contato frequente dos trabalhadores do Sistema Único de Assistência Social, com idosos, crianças e pessoas em condições de rua, o presidente da Assembleia Legislativa de Mato Grosso, deputado Max Russi (PSB), pediu ao governo do Estado que inclua a categoria no grupo prioritário de imunização contra a covid-19.

A solicitação foi encaminhada, por meio de indicação nesta quinta-feira (19).

Max Russi defende também que esses trabalhadores façam parte do Comitê de Enfrentamento do novo Coronavírus.

“São profissionais, que estão expostos aos vírus e precisamos priorizá-los. É muito preocupante. O próprio Governo federal, quando publicou o decreto 10282/2020, que trata dos trabalhadores da assistência social, reconheceu esses profissionais como serviço público de atividade essencial”, argumentou.

Essa mesma categoria foi inserida, em 2020, na lista de prioridade para vacinação contra gripe.

Max Russi já havia solicitado ao governo que inclua no grupo prioritários de vacinação contra a covid-19: professores, agentes funerários, agentes comunitários de saúde e agentes comunitários de endemias, atendentes de supermercados, frentistas e policiais militares e civis, além dos bombeiros.

(Da Assessoria)

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorDia Internacional das Florestas: usina planta 150 mil mudas para reflorestamento
Próximo artigoVÍDEO | Joe Biden tropeça e caí ao tentar subir escada