Governo vai pavimentar rodovia em área de grande produção agrícola

Serão asfaltos 24 quilômetros da rodovia MT-130 em um investimento de mais de R$ 22 milhões

(Foto: Ednilson Aguiar/ O Livre)

O Governo de Mato Grosso abriu licitação para pavimentar a rodovia MT-130, na região do distrito de Santiago do Norte, em Paranatinga. A licitação, lançada pela Secretaria de Estado de Infraestrutura e Logística (Sinfra-MT), será no modelo de Regime Diferenciado de Contratação (RDC), do tipo menor preço, e em lote único.

O trecho a ser asfaltado tem uma extensão total de 24 quilômetros e o valor estimado da obra é de R$ 22,3 milhões.

A abertura das propostas será realizada na sala de licitações da Sinfra-MT, em Cuiabá, no dia 16 de novembro. A partir do seu início, a obra tem um prazo de execução de 12 meses.

O distrito de Santiago do Norte está localizado em uma região com crescente produção de grãos e de bovinos. A abertura deste corredor viário facilitará o transporte da produção agropecuária, principal atividade da região, além de garantir mais qualidade de vida à população e impulsionar a economia.

Mesmo sendo um distrito de Paranatinga, Santiago do Norte conta com plano diretor para os próximos 30 anos. Além disso, o distrito está localizado próximo a outras obras de infraestrutura realizadas pelo Governo Federal, como a BR-242, que liga as regiões norte e nordeste de Mato Grosso, e a Ferrovia de Integração do Centro-Oeste.

Desta forma, a expectativa é que nos próximos anos a região receba uma série de investimentos, atraindo trabalhadores do país inteiro. A pavimentação deste trecho da MT-130 também atende os anseios da população que vive no distrito, dando conforto nos deslocamentos entre as propriedades rurais e a sede.

A Sinfra-MT elabora projetos de pavimentação de outros trechos para a MT-130, estendendo a ligação asfáltica de Santiago do Norte até Feliz Natal. No futuro, a rodovia poderá ser uma rota alternativa para ligar as regiões norte e sul de Mato Grosso.

Todas as informações sobre o RDC Presencial 031/2021 podem ser encontradas no site da Sinfra-MT.

(Da Assessoria)

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorSem juros na energia
Próximo artigoOs quatro anos da reforma trabalhista: mais um engodo?